BIBLIOCANTOS


VOCÊ/BIBLIOTECÁRIA SÓ VOCÊ

 

Você

 

Composição: Tim Maia

 

De repente a dor

De esperar terminou

E o amor veio enfim

Eu que sempre sonhei

Mas não acreditei

Muito em mim

 

Vi o tempo passar

O inverno chegar

Outra vez mas desta vez

Todo pranto sumiu

Um encanto surgiu

Meu amor

 

Você

É mais do que sei

É mais que pensei

É mais que esperava, baby

 

Você

É algo assim

É tudo pra mim

É como eu sonhava, baby

 

Sou feliz agora

Não não vá embora não

Não não não não não

 

Não não vá embora

Não não vá embora

Não não vá embora

Não não vá embora

Vou morrer de saudade

Vou morrer de saudade

Vou morrer de saudade

Não vá embora

Não vá embora

Não vá embora

Vou morrer de saudade

Vou morrer de saudade

Não vá embora

Não vá não vá

Vou morrer de saudade

Vou morrer de saudade

Bibliotecária Só Você

 

Versão: Fernando Modesto

 

De repente o suor

De procurar terminou

E o saber veio enfim

Eu que sempre busquei

Mas nunca recuperei

Sentido pra mim

 

Vi o tempo passar

O resultado escapar

Outra vez mas desta vez

O encanto emergiu

Bibliotecária surgiu

Meu dispor

 

Você

É mais do que desejei

É mais que pensei

É mais que imaginava, baby

 

Você

É algo assim

É fonte pra mim

É do que eu precisava, baby

 

Estou feliz agora

Não não tem demora não

Não não não não não

 

Não não tem demora

Não não tem demora

Não não tem demora

Não não tem demora

Vou saber de verdade

Vou saber de verdade

Vou saber de verdade

Não vou embora

Não vou embora

Não vou embora

Vou saber de verdade

Vou saber de verdade

Não vou embora

Não vou embora

Vou saber de verdade

Vou saber de verdade

 

Autor: Fernando Modesto

   31 Leituras


author image
FERNANDO MODESTO

Bibliotecário e Mestre pela PUC-Campinas, Doutor em Comunicações pela ECA/USP e Professor do departamento de Biblioteconomia e Documentação da ECA/USP.